Porque tranquei a faculdade - e uma mensagem para quem está começando

by - março 03, 2018

Resultado de imagem para reflexão imagem
Imagem: Link
Primeira postagem de março! Já que vocês acharam que seria interessante falar um pouco sobre o assunto, resolvi escrevê-la logo em um sábado pela manhã. Como alguns de vocês sabem e eu deixei por um tempo na minha bio ali na sidebar, eu cursei um semestre de jornalismo (de agosto/17 até fevereiro/18). Cheguei a fazer uma aula do segundo semestre e estava a três meses no estágio quando tomei a decisão de parar, e serei bem sincera com vocês durante a postagem, porque acho que é isso que vocês merecem por aqui. 

Muita gente ficou de queixo caído quando eu disse que daria uma pausa na faculdade - e isso inclui ex-professores de ensino médio e melhores amigos, e quem não sabe ainda, talvez esteja assim agora mesmo. A verdade é que essa foi uma decisão bastante complicada, porque como eu disse antes, tinha um estágio com pessoas incrivelmente maravilhosas e, trancando a faculdade, perderia ele também. Foi o que aconteceu.

E teve dois motivos

Hoje em dia é muito complicado pagar uma faculdade particular, que além de tudo, fica em outra cidade. Esse foi um dos principais motivos que me levaram a fazer o que fiz. Desde que comecei a faculdade, combinei com meus pais que seria a responsável pelo pagamento dos estudos e isso deu certo por um semestre, até que saí do meu outro emprego (porque ele não estava me fazendo feliz, e acho que não vale a pena permanecer em algo que te deixa mal, mesmo que para isso seja preciso fazer alguns sacrifícios. Eu tinha essa condição e sempre disse pra mim mesma que jamais suportaria algo que me deixasse mal, a menos que fosse extremamente necessário.). Assumi então só meu estágio, que foi maravilhoso. Mas como eu disse, a faculdade ficava em outra cidade. E ir e voltar de lá todos os dias acabou se tornando bastante caro, mesmo com auxílio transporte. A faculdade, também, que mesmo de férias eu precisava pagar, estava saindo mais cara que meu salário. E eu estava matriculada no número mínimo de disciplinas. 

Quando levantei essa hipótese em casa, meus pais acharam que seria o certo a fazer, pelo menos até o meio do ano, assim eu teria mais tempo para decidir se era isso que eu realmente queria. E eu também poderia tentar outras oportunidades, trabalhar, viajar e fazer coisas diferentes durante esse tempo.

Logo em janeiro, surgiu para mim a oportunidade de trabalhar dando aulas de inglês, que aceitei sem pensar duas vezes. Não muita gente sabe, mas na época da escolha do curso que eu faria pra valer, letras foi muito cogitado. Sempre fui apaixonada pelas minhas aulas de literatura na escola e mesmo com o jornalismo, gostaria muito de dar aula mais tarde. Agora, com essa oportunidade, acredito que terei uma chance de ver se é isso mesmo que eu quero pra mim. Já tive um gostinho do jornalismo, e posso dizer que é ótimo! Mas acho que ser teacher vai me dar uma boa noção de como as coisas poderiam ser também.

Sabe, logo de cara, essa ideia toda que estava pipocando na minha cabeça pareceu meio doida e eu não consegui não chorar quando falei para aquelas pessoas que se tornaram tão importantes para mim que eu iria parar de frequentar a universidade. Que não seria permanente, mas por um pequeno período de tempo, não veria mais elas por ali. Meus colegas e profs do estágio, que agora se tornaram também amigos, me deram todo o apoio do mundo e tive vontade "de colocar todos em um potinho" quando fui me despedir e descobri que estavam me esperando com bolo. Chorei de novo, pra variar, porque se não chorasse não honraria o nome da família. Sério, todos aqui são muito chorões. Com exceção do meu pai (ariano, né mores). Se qualquer uma dessas pessoas estiver lendo isso, saibam que eu amo muito vocês e por mais que tenham me faltado palavras no dia, todos fizeram uma grande diferença na minha vida. 

E agora? 

Agora, espero que o semestre seja concluído com sucesso e que eu consiga fazer muitas coisas que antes o tempo não permitia. E se não for o semestre, que seja o ano. Porque uma das coisas mais importantes que aprendi com tudo isso, é que não importa a nossa idade, a vida não foi feita pra ser vivida correndo. Não adianta ter pressa nem planejar muito, porque o universo vai fazer as coisas do jeitinho dele quer você queira, ou não. Eu tenho 18 anos, e se eu puder deixar uma mensagem para qualquer pessoa que vai começar a faculdade agora ou está no fim do ensino médio é: tenham calma. Sejam pacientes consigo mesmos e deem tempo ao tempo. Se puderem, tirem um semestre, um ano! Façam coisas que nunca pensaram que fariam, busquem a si mesmos e então decidam qual a vida que gostariam de levar. E lutem por ela. Eu sei que é importante cursar uma faculdade e não estou dizendo para não fazer isso. Mas lembrem sempre que nós somos jovens, e que não faz mal não saber o que queremos logo de cara. Nós nunca pudemos testar nada antes, e a hora é agora. Ou depois. Você que decide. Use seu tempo para trabalhar e estudar para o próximo enem, mas não esqueça de cuidar de si mesmo. Se achar que da pra ir de primeira, só vai! Mas se não, não se cobre. Tenha paciência. Uma hora, tudo vai se encaixar. E você vai ficar bem. 

Para sua reflexão, se quiser refletir um pouco e criar coragem

"Gostaria de repetir o conselho que lhe dei antes: acho que você deveria realmente promover uma mudança radical em seu estilo de vida e começar a fazer corajosamente coisas em que talvez nunca tenha pensado, ou que fosse hesitante demais para tentar.

Tanta gente vive em circunstâncias infelizes e, contudo, não toma a iniciativa de mudar sua situação porque está condicionada a uma vida de segurança, conformismo e conservadorismo, tudo isso que parece dar paz de espírito, mas na realidade nada é mais maléfico para o espírito aventureiro do homem que um futuro seguro. A coisa mais essencial do espírito vivo de um homem é sua paixão pela aventura. A alegria da vida vem de nossos encontros com novas experiências e, portanto, não há alegria maior que ter um horizonte sempre cambiante, cada dia com um novo e diferente Sol.

Se você quer mais de sua vida, Ron, deve abandonar sua tendência à segurança monótona e adotar um estilo de vida confuso que, de inicio, vai parecer maluco para você. Mas depois que se acostumar a tal vida verá seu sentido pleno e sua beleza incrível.

Em resumo, Ron, saia de Salton City e caia na estrada. Garanto que ficará muito contente em fazer isso. Mas temo que você ignore meu conselho. Você acha que eu sou teimoso, mas você é ainda mais teimoso do que eu. Você tinha uma chance maravilhosa quando voltou da visita a uma das maiores vistas da Terra, o Grand Canyon, algo que todo americano deveria apreciar pelo menos uma vez na vida. Mas, por alguma razão incompreensível para mim, você só queria voltar correndo para casa, direto para a mesma situação que vê dia após dia. Temo que você seguirá essa mesma tendência no futuro e assim deixará de descobrir todas as coisas maravilhosas que Deus colocou em torno de nós para descobrir.

Não se acomode nem fique sentado em um único lugar. Mova-se, seja nômade, faça de cada dia um novo horizonte. Você ainda vai viver muito tempo, Ron, e será uma vergonha se não aproveitar a oportunidade para revolucionar sua vida e entrar num reino inteiramente novo de experiências.

Você está errado se acha que a alegria emana somente ou principalmente das relações humanas. Deus a distribuiu em toda a nossa volta. Está em tudo e em qualquer coisa que possamos experimentar. Só temos de ter a coragem de dar as costas para nosso estilo de vida habitual e nos comprometer com um modo de viver não convencional."

- Jon Krakauer, Na Natureza Selvagem


You May Also Like

44 Comentários

  1. Gostei muito deste texto <3 foi de certa forma inspirador
    Adorei o blog, segui ^^
    Beijinhos

    Blog ♡ SimplyNeca | Instagram

    ResponderExcluir
  2. Temos que fazer o que nos faz bem, independente do que as pessoas ao nosso redor pensam =D

    Muito sucesso para a sua vida! Beijão

    ResponderExcluir
  3. Oi
    espero que você consiga conquistar muitas coisas e que a decisão é o que te fez sentir melhor, eu sei como é caro e cansativo fazer faculdade em outra cidade, me formei em Publicidade e era em outra cidade, eu ainda tive a sorte de ir morar na cidade e meu pai pagar, mas conheci pessoas que iam todos os dias de várias cidades fazer faculdade, inclusive eu já peguei carona no ônibus com essas pessoas e é mega cansativo, hoje estou na minha segunda faculdade mas que agora é Federal e pessoas que estudam comigo passam por essa situação de viajar para outra cidade e voltar todo dia para estudar. Nesse inicio de semestre tantos calouros com um brilho no olhar e cheios de esperanças, mas que muitos ainda vão abandonar por não ser o que queriam.

    momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é! Por essas e outras é complicado, mas uma hora ou outra, a gente descobre o que quer de verdade.

      Excluir
  4. Oi, Carol
    Eu acho que a gente relativamente tem pouco tempo pra decidir o que realmente quer fazer depois do EM. Eu mesma senti muita pressão pra ingressar logo na faculdade e acabei cursando um curso que nem me identifico, coisa que eu não indico pra ninguém.
    Acho que quando o custo benefício de se fazer faculdade em uma outra cidade está tão grande é bom pensar mesmo no que se realmente quer.
    Se por enquanto você quer dar aula então faça isso porque você gosta.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem mesmo! Poxa, que pena, Mi! Não sabia disso... Ainda assim, espero que dê tudo certo pra você. Muito obrigada pelo apoio!

      Excluir
  5. Esse ano também decidi sair da monotonia e encarar algumas coisas novas. As vezes nossa autoestima está tão baixa, que achamos que não conseguimos fazer absolutamente nada, que não temos talento algum, que não servimos para nada, e o pior é que, por acreditar nisso, que continuamos sempre no mesmo lugar...
    O jeito é sair da zona de conforto e tentar! Afinal, como vamos saber se conseguimos ou não fazer algo, se nem tentamos? E se der errado, paciência, existem milhares de outras experiências esperando por nós.
    Vamos seguir em frente sempre!
    Boa sorte com tudo!
    Beijinhos <3

    Toca da Lebre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siiim! Precisamos disso às vezes, né? Sair da zona de conforto e encarar novos desafios. Vamos mesmo! Igualmente!

      Excluir
  6. Oi!! Então, esse ano entrei pra faculdade federal, fiquei muito muito feliz, e depois me bateu aquele desespero "será mesmo que é isso que quero fazer", estava pensando em fazer design daí pensei melhor e falei "isso não vai dar certo, acho que não quero isso", então decidi tentar história e passei (depois de muita pressão da minha familia pra escolher logo)... Então é tudo uma confusão, tenho um tempo pra pensar e refletir sobre minha escolha (já que a federal tá atrasada por 6 meses) e estou aqui levando a vida e descobrindo coisas novas. Avisei pros meus pais que talvez eu queira fazer enem e escolher outra área eles enlouqueceram porque acham que eu deveria ser mesmo um professor hehe.

    Enquanto sua escolha, você me inspirou em seguir tentando e fazer o que meu coração mandar <3. Eu te desejo muita sorte e muito sucesso no seu emprego novo!

    Beijos!
    Escrito no ar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Diogo, isso é mesmo complicado. Toda essa pressão, sabe? Mas que bom que você terá esse tempinho pra pensar sobre! Espero que consiga se encontrar. E esse comentário lindo, aaaah <3 Muito obrigada e boa sorte pra você também! Beijo!

      Excluir
  7. Eu acho que a gente é obrigado a escolher uma carreira muito cedo e nem sempre a gente tem maturidade suficiente para saber o que quer. Fiz teste vocacional e mesmo assim deu duas carreiras que estava em duvida, cursei uma, me formei com crédito educativo mas não deu pra seguir.
    Hoje anos depois percebo que fiz a escolha errada.
    big beijos
    www.luluonthesky.com

    ResponderExcluir
  8. Trancar a faculdade deve ser uma decisão muito difícil, mas se foi o melhor para você, foi a decisão certa a ser tomada, vai ser bom ter um tempo para refletir e pensar sobre o que você realmente quer!

    www.estante450.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim, mas acho que foi o melhor. <3 Muito obrigada pelo comentário!

      Excluir
  9. Oi Carol!
    Você foi muito corajosa em parar, pensar e mudar.
    Pagar faculdade é mesmo complicado demais, eu fiz faculdade particular mas consegui pegar 3 bolsas diferentes, incluindo o FIES... se não fosse isso não teria conseguido. Sugiro você dar uma olhada no FIES, não sei como é hoje mas me ajudou demais quando eu estudei.

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Sora, obrigada! Já dei uma olhadinha, mas achamos melhor não tentar financiamento por enquanto. Uma hora, vai dar!

      Excluir
  10. Oi Carol, sei como é difícil conciliar faculdade com emprego e o pagamento da faculdade ainda, tranquei administração por isso.
    Boa sorte nessa sua escolha, tenho certeza que as coisas vão fluir e vão dar certo.
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim. Espero que tenha dado tudo certo aí! Obrigada, Fe!

      Excluir
  11. Olá Carol
    Eu acredito que um dos momentos mais feliz de alguém é quando esse alguém entra na faculdade, é uma nova experiência né? Mas se passa muita coisa juntamente com a faculdade e é preciso conciliar tudo, caso contrário, tudo sai dos eixos. E quando se toma uma decisão de trancar, muitas pessoas podem não compreender, mas só quem passa é que sabe. E se me permite dar minha humilde opinião, eu achei sua posição bastante sensata, você precisa mesmo colocar tudo no lugar, e se continuasse a faculdade acabaria com um baita prejuízo, e você tem apenas 18 anos, terá muitas oportunidades ainda, então eu acho que você fez certo! Amei o texto! Eu amo demais o seu blog!
    Beijos <3

    estanteclassica.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim! Mas é realmente complicado, e a verdade é que isso faz parte! Ah, Nívea, fiquei emocionada com esse comentário. <3 Sério, faz tudo valer a pena! <333

      Excluir
  12. Com certeza cada um tem o seu momento, não importa a idade, e escolhas fazem parte da vida e nada é desperdiçado.. sempre para alguma coisa serve tudo que passamos na vida :)

    http://www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  13. Gostei do teu texto, bem verdadeiro!!!
    http://www.nossomosmoda.com/2018/03/modelos-da-ma3-talents-school-no-liquida-poa.html
    http://www.nossomosmoda.com/2018/03/temporada-outono-inverno-2018-hellen-carolina.html
    Confira nossas últimas publicações em: >>> http://www.nossomosmoda.com/

    ResponderExcluir
  14. Acho que seu post é realmente maravilhoso e merece ser lido por muitos.
    Eu entrei na faculdade este ano, logo após acabar o ensino médio e me permitir esta experiência foi realmente uma decisão importante porque pensei muito se não seria uma decisão precipitada. No entanto, com o apoio completo dos meus pais, escolhi o que eu desejava, mas é bom ver as pessoas falando deste início e de como podemos sim trancar, trocar ou sair mesmo e acho que muitos adolescente precisam ouvir isso.
    Eu escolhi entrar este ano e mesmo que seja difícil, se eu acabar precisando trancar, é importante ver que isso comum e que é normal. Não só eu e outros alunos precisam saber que isso é normal, mas toda a sociedade que julga muito sem se preocupar em saber o porquê.
    Fico feliz que tenha tomado decisões que vão fazer você mais feliz e isso é o que verdadeiramente importa.
    Espero que tudo dê certo e se der, a gente tenta de novo, e começa de novo.
    Adorei, de verdade, seu post!
    Beijos!
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaah, muito obrigada! <3 Espero que seja uma oportunidade maravilhosa pra você! Fico feliz por ler isso, de verdade! E é normal, sim! Nem sempre as coisas correm como planejamos e não tem problema nenhum nisso! Espero que tudo dê certo pra você, porque só de ver esse comentário, sinto que pra mim, já deu. <3

      Excluir
  15. Visitando, lendo, gostando do espaço que considero muito bonito e acolhedor, prometendo voltar.
    .
    * Chuva que acalma CORAÇÕES … secos pela desventura *
    .
    Cumprimentos poéticos
    Votos de um dia feliz

    ResponderExcluir
  16. Novamente um texto seu que mexeu muito comigo. Já pensei em trancar muito a minha faculdade, mas no momento ainda não sinto que deva fazer isso. Estou agora no 5º e 8 períodos e confesso que estou com bastante medo de não saber exatamente o que fazer quando a faculdade acabar. Eu ainda nem fiz qualquer estágio, sabe? E tem sido dificil me manter na faculdade que, mesmo sendo pública, gasta muito. Seu texto me fez começar a pensar mais. Ultimamente estou mais nesse estilo de fazer as coisas com mais coragem e abandonar um pouco meus medos. Os Delírios Literários de Lex

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, é complicado, mesmo! Vai tentando, Aléxia! Você vai conseguir, se realmente quiser. E se não quiser, por que não tentar de novo outra coisa? A gente fica realmente meio perdido quando períodos assim se aproximam, né? Imagino que faculdades públicas também gastem muito. Fiz essa conta antes de saber se tinha passado na federal daqui ou não e daria praticamente o mesmo que estudar numa particular. É caro, mesmo!
      Espero que teu coração te guie para fazer o que for melhor. <3

      Excluir
  17. "Não adianta ter pressa nem planejar muito, porque o universo vai fazer as coisas do jeitinho dele quer você queira, ou não." Pura verdade.
    Eu já passei por isso de querer largar o curso da faculdade, começar a fazer outro curso e desistir... enfim, é complicado. Mas lá na frente a gente entende que foi a melhor coisa que fizemos.
    Você é nova, tem a vida toda pela frente e com toda certeza mutias oportunidades boas vão surgir. Boa sorte e aproveite este tempo longe da faculdade e do estágio.
    Sucesso!! ♥

    https://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha fico feliz de ter constatado isso. Só estou esperando pra ver exatamente qual o motivo e aguardo ansiosamente pelos próximos dias da minha vida, que certamente virão cheios de surpresas. <3 Muito obrigada, Val! Sério mesmo! <3

      Excluir
  18. Oi! Acredito que devemos fazer o que queremos de verdade, aquilo que faz o nosso coração bater e não viveríamos sem isso. E acho que podemos mudar a qualquer hora, a qualquer idade, em qualquer tempo. Não importa o que dizem ou o que pensam. Melhor fazer escolhas e experimentar. E aí seguir ou frente ou voltar atrás. Mas fazer, entende? Tentar, mudar, viver! Só você sabe o que vai no seu coração! Desejo de verdade uma boa nova caminhada e muitas descobertas!

    beijos!

    https://ludantasmusica.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O tempo é só o tempo, né? E tá aí a nossa disposição. <3 Muito obrigada por esse comentário lindo, Lu! <3

      Excluir
  19. que texto mais lindo ♥
    eu tenho 23 anos - faço 24 daqui a alguns meses - e faço jornalismo. depois de uma pessoa, sou a mais velha da turma. no começo isso me incomodava muito, porque parecia que eu tinha perdido um tempão de vida, mas como eu tenho uma família incrível logo isso passou. lembro que cheguei em casa, nos primeiros dias de aula, liguei pelo whatsapp pra minha mãe e falei que eu tava velha. ela falou um monte de palavrão e desligou, dizendo que tinha mais o que fazer ahhahaha

    hoje eu não sinto mais como se eu tivesse atrasada. dou até risada quando lembro que isso um dia me incomodou. a vida é muito maior do que esse protocolo que um dia alguém disse pra gente seguir. quando a gente percebe isso, dá um alívio e uma paz imensa!

    te desejo dias bonitos pela frente e espero que dar aulas de inglês te faça muito feliz nesse momento! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Manie, esse comentário foi basicamente um conselho pra minha eu do futuro. Talvez aconteça isso comigo, e se acontecer, fico feliz de ouvir isso antes. Que coisa boa! <3 Muito obrigada, aaa! <3

      Excluir
  20. Realmente todos se espantam quano você diz que vai abandonar a facul..Passei por isso também.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É estranho, né? A cara de surpresa de todo mundo. Chega a ser engraçado!

      Excluir
  21. Amei tanto ler isso. Terminei o EM em 2015 e apenas agora comecei a minha faculdade! Não me arrependo em nenhum momento, essa pausa minha também não foi planejada, o plano era sair da escola e ir direto para a faculdade! GRAÇAS A DEUS não deu certo, nesse tempo parado pude ter certeza do meu curso, conheci pessoas incríveis que quero levar pro resto da vida e que se tivesse me mudado (eu tenho que fazer facul em outra cidade também) não teríamos nos tornado próximos. Aproveitei muito esse meu tempo livre, curti bastante e agora que a "vida adulta" chegou to muito disposta e feliz com o rumo que as coisas estão tomando.
    Um beijo ♥

    www.jubaqueen.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que coisa boa! Hahaha às vezes os males vem para os bens, né? Que legal ler isso.

      Excluir
  22. E MUITA BOA SORTE E ENERGIAS MARAVILHOSAS pra você nessa nova etapa da sua vida, o mundo é incrível com pessoas incríveis ♥♥♥

    ResponderExcluir

Olá! Seja bem-vindo e sinta-se em casa. Ficarei imensamente feliz em ler sua opinião sobre essa postagem. Logo, logo, farei uma visitinha em seu blog para retribuir. ♥